Listar armas do tipo
Metralhadora

Armas idênticas ou relacionadas:

MG-08 «Spandau Maxim»
Metralhadora
Mk.I MG «Vickers-Maxim»
Metralhadora

Dados sobre utilizadores deste armamento:

Mk.I MG «Vickers-Maxim»
Metralhadora

Fabricante: Vickers Defence
Tipo de arma: Metralhadora --- Calibre: 7.7mm
Cadência de tiro: 500 disparos p/min.Velocidade do projectil: 740 M/s
Alcance eficaz: 740MAlcance máximo: 4100M
Dimensões: Comprimento: 1156mm (Cano: 720mm) Largura: 0mm / Altura: 0mm
Peso da arma: 23KgDepósito(Carregador): auto/250 munições
Munição:7.7x56 / Mk.VII (.303) / FMJ Involucro total em metal /Potencia: 3463J
FiabilidadeManutenção5
Potência2Manuseamento6
Precisão3Preço7


Desenvolvida em 1912, a metralhadora pesada Vickers , tornou-se num dos simbolos da I guerra mundial, ao se transformar juntamente com outras armas inspiradas ou desenvolvidas a partir da metralhadora Maxim, na arma que mais mortos causou em todas as operações militares do conflito.

A arma é um desenvolvimento do modelo Maxim e chegou a ser inicialmente conhecida como «Vickers-Maxim».

A Vickers colaborou desde o inicio com a Maxim Gun Company, que mais tarde viria a controlar em 1896. A partir daí a Vickers continuou a desenvolver o conceito, reduzindo o peso da arma e tornando-a mais adequada para a sua utilização pela infantaria.

A arma utilizava munição de 7.7mm, Mk.VII, (740 m/s) especialmente desenhada para produzir maior efeito no alvo aquando do impacto, o que permitia aumentar a sua eficiência contra a infantaria inimiga.

A arma era alimentada por fita de tecido, com 250 munições.


Metralhadora Vickers Mk.I desmontada, peças e acessórios.

Ainda hoje, a Vickers Mk.I mantém a reputação de ser uma das mais fiáveis armas alguma vez fabricadas


Informação genérica:
A metralhadora Maxim, e as suas derivadas, constituem provavelmente ao lado da besta na baixa idade média, uma das armas mais mortiferas jámais inventadas.

A arma foi inventada por um norte-americano naturalizado britânico de nome Hiram Maxim, que lhe deu o nome, e patenteou a invenção em 1883. A Maxim foi a primeira metralhadora automática da História.

A Maxim inovou, ao ter introduzido o conceito da utilização da própria energia do disparo, para ejectar o cartucho usado e inserir uma nova munição na câmara, de forma automática e sem intervenção do operador.

A arma era inovadora, ao conseguir uma elevada cadência de disparo sem recorrer ao sistema de canos múltiplos do tipo Gatling.

Refrigerada a água, a Maxim conseguia funcionar durante longos periodos, embora fosse necessária a substituiçao do cano.

Embora a Maxim original, tenha a sua origem na Grã Bretanha, e a própria Vickers tenha desenvolvido uma versão mais sofisticada que foi adoptada em 1912, alemães, russos, belgas, norte-americanos e mesmo japoneses, copiaram o conceito que adoptaram e desenvolveram localmente. Todas essas armas são no entanto derivadas directas da Maxim.


A grande profusão de fontes que referem dados diferentes para cada tipo de arma, leva a que possa existir alguma inconsistência de dados.
Alcance eficaz: A distância aproximada em metros, em que se espera que o disparo atinja o objectivo. Alcance máximo: Normalmente a distância em metros em que o projectil precorre uma trajectória recta (tiro tenso).Não é considerado o alcance máximo possível do projectil que pode ser atingido numa trajectória parabólica.
A classificação para «preço», é inversamente proporcional ao custo previsto da arma. Pelo que uma arma muito cara terá uma classificação baixa.
 

Última actualização desta página : 09.04.2008

---