Armas relacionadas:

76mm AK-726 L/59 (2x)
Canhão naval
76mm Mk.75
Não aplicável
76mm Super Rapid / Compact
Não aplicável

Loading

Torre 76mm Super Rapid / Compact

Fabricante da torre: Oto-Melara
Função principal: Anti-navio Calibre da arma: 76mm
Cadência de tiro: 100 disparos p/min.Alcance máximo: 16Km (9.9Milhas)
Peso da munição: 6Kg Alcance Antiaéreo : 12Km
Peso da torre: 8500KgTripulação: 3
Numero de canhões do sistema:1 Elevação: 80

 

Sistema utilizado pelos seguintes navios:
Corveta Classe Ada (Turquia)
Fragata Classe Al Riyadh (Arabia Saudita)
Fragata Classe Alm. Blanco Encalada (Chile)
Fragata Classe Amatola (África do Sul)
Contra torpedeiro de defesa aérea Classe Andrea Doria (Italia)
Fragata Classe Aquitaine (França)
Fragata Classe Bartolomeu Dias (Portugal)
Contra torpedeiro de defesa aérea Classe Forbin (França)
Fragata Classe Formidable (Singapura)
Fragata Classe Karel Doorman (Holanda)
Corveta Classe Khareef (Oman)
Patrulha oceanico Classe Knud Rasmussen (Dinamarca)
Contra torpedeiro de defesa aérea Classe Kolkata (India)
Fragata Classe Leopold I (Belgica)
Fragata Classe Mohamed VI (Marrocos)
Fragata Classe Nansen (Noruega)
LPD - Plataforma aterragem/Doca Classe San Giorgio (Italia)


Esta é uma versão modernizada da conhecida peça de artilharia naval da Oto-Melara.
A principal característica é a cadência de disparos que foi elevada de 80 para 100 disparos por minuto.
São carregadas 600 munições.

Existe uma versão com uma configuração externa diferente adequada para navios mais modernos com características «Stealth».

A versão compact, foi especialmente desenvolvida para utilização em navios de pequeno porte

Descrição genérica sobre este tipo de armamento:
Canhões anti-aéreos de 76mm.

O calibre de 3 polegadas tornou-se standard como armamento secundário de navios principais durante a I guerra mundial, quando começou a ser utilizado como armamento anti-aéreo.

No entanto o calibre foi considerado insuficiente como arma anti-aérea, pelo que nos navios principais ele foi substituido por calibres superiores como 4 polegadas e mesmo cinco polegadas nos navios americanos.

Depoios da II guerra mundial, as peças de 76mm, montadas em torres mais modernas e mais rápidas voltaram novamente a ser consideradas.

Nos países ocidentais, o calibre de 76mm tornou-se norma mesmo em fragatas, quando o calibre de 100mm que se tinha tornado norma em algumas marinhas, como a francesa a alemã ou a portuguesa deixou de ser utilizado.


 
   
---