Sociedade / Política


Translation to English not responsability of areamilitar.net.
Service is supplied as is and correct interpretation is not guaranteed.
Morreu Jorge Rafael Videla
Genocida argentino cumpria pena de prisão
17.05.2013


Morreu hoje no complexo de prisões Marcos Paz em Buenos Aires, o genocida Jorge Rafael Videla, antigo presidente da república da Argentina (auto-proclamado em 1976 aquando de um golpe militar).
A morte de Videla, de 87 anos de idade, foi declarada às 08:25 da manhã (hora local) depois de os carcereiros terem encontrado o corpo sem vida.

Videla, é provavelmente a cara mais visível da ditadura militar argentina, normalmente vista como um dos regimes mais cruéis e assassinos da história da América Latina.

Apoiado por grupos de militares alegadamente apoiados pelos serviços secretos norte-americanos, Videla terá colaborado numa série de perseguições, torturas e violações brutais dos direitos humanos, sob a capa da luta contra a subversão comunista.

Mais de 30,000 pessoas terão sido assassinadas pelo regime militar iniciado com Videla em 1976. O general esteve no poder até 1981, altura em que foi substituído por Roberto Viola que só governou nove meses, substituído por Alberto Lacoste que governou 11 dias, o qual foi finalmente substituido por Leopoldo Galtieri, o homem que levou a Argentina para a guerra com a Grã Bretanha alguns meses mais tarde, numa tentativa desesperada para conseguir algum apoio popular para um regime completamente desacreditado e que só se mantinha através da violência.

A derrota militar da Argentina durante a guerra das Malvinas, apressou o colapso do regime que tinha sido implantado por Videla em 1976.

Os crimes de muitos dos militares responsáveis pelo que ficou conhecido como «guerra suja» foram julgados em tribunal e Videla julgado culpado e sentenciado a uma pena de prisão perpétua em 22 de Dezembro de 2010. Antes de morrer Videla declarou que se considerava responsável pela morte de pelo menos 8,000 pessoas. Afirmou que tinha um peso na alma, mas que não se arrependia de nada.


Últimas noticias sobre este tema

Morreu Jorge Rafael Videla

Referendo nas Malvinas

Morte de Chavez:

Morreu Hugo Chavez

Argentina volta a pedir Malvinas

Golpe constitucional no Paraguai

Ollanta Humala vence eleições no Peru

Equador calmo, após sequestro presidencial

| Forças Armadas de Angola | Exército Brasileiro | Exército Português | Força Aérea Brasileira | Força Aérea Portuguesa | Marinha do Brasil | Marinha Portuguesa | Forças Armadas de Moçambique | Forças Armadas da Guiné-Bissau | Timor - Sociedade | Forças de defesa de Timor | Brasil | Moçambique | Portugal | Listagem de todas as notícias | Listar todos os navios | Listar todas as aeronaves | Listar armas ligeiras | Listar todos os veículos | Listar todos os mísseis | Listar sistemas de artilharia | Artigos de opinião | Médio Oriente | União Europeia | Europa fora a UE | América do Norte | América do Sul e Caribe | África | Índia e Asia Central | Ásia e Oceânia|
  ---