Conflitos internacionais


Translation to English not responsability of areamilitar.net.
Service is supplied as is and correct interpretation is not guaranteed.
Iron Dome confirma capacidade
Hamas atacou central nuclear de Dimona
09.07.2014


Não é uma novidade absoluta, nem sequer é a primeira vez que é utilizado, mas é sem dúvida a primeira vez que o sistema de proteção anti-míssil «Iron Dome» de Israel é utilizado numa situação de ataque de saturação, com centenas de foguetes de artilharia a serem lançados sobre o território de Israel.

Desde segunda feira, em menos de 48 horas o grupo terrorista Hamas terá lançado um total de 225 engenhos sobre Israel (até à tarde desta quarta feira).

Não existem dados precisos sobre o tipo de sistemas, mas normalmente trata-se de foguetes de artilharia com um sistema inercial de direcionamento, derivados dos Katiusha russos.

Sabe-se que vários desses foguetes de artilharia foram lançados mesmo contra a maior cidade de Israel Tel-Aviv, a cerca de 70km de Gaza.
O sistema «Iron Dome» deteta através dos seus radares o lançamento dos foguetes e calcula a sua rota, determinando se é possível a queda numa área habitada.
Caso se confirme o risco, a bateria mais próxima recebe automaticamente ordem para lançar os seus mísseis.
Até agora nenhum foguete palestino, atingiu qualquer área habitada em Israel, quase 90% dos alvos designados foram abatidos pelos mísseis do «Iron Dome» no que se pode considerar como a confirmação absoluta da capacidade do sistema anti-míssil de Israel.
O número de alvos abatidos constitui um novo record.

Até agora, segundo a imprensa de Israel, apenas 27% dos 225 foguetes lançados pelo movimento Hamas tinham uma trajetória que os poderia levar a áreas com população e só esses foram objeto de interceção.

Um total de sete batarias de lançadores estão espalhadas por Israel para deter eventuais foguetes e mísseis vindos tanto da área de Gaza como so Sul do Líbano, onde opera o movimento xiita Hezbollah.
Além do «Iron Dome» também está a ser utilizado o sistema «David Sling» que protege o território de Israel de mísseis lançados desde bases de 100 at´s 200km de distância. Este sistema ainda está em testes e a presente situação tem sido utilizada para o testar.
O principal problema do sistema é o seu custo. Cada lançamento de um míssil custa aproximadamente 100.000 dolares americanos.

Ataque contra central nuclear de DIMONA

Na tarde desta quarta feira, a imprensa de Israel informou que foguetes de artilharia foram lançados a partir de Gaza contra a região de Dimona, a mais de 70km, onde se encontra a única central atómica de Israel. Os foguetes foram intercetados pelo «Iron Dome».

Existem igualmente relatos sobre foguetes de longo alcance, cuja trajetória permitiria atingir a região de Zikron Yakov a cerca de 120km de Gaza. Estes foguetes terão sido atingidos por sistemas anti-míssil controlados pelo sistema «Iron Dome».


Últimas noticias sobre este tema

Turquia autoriza curdos a passar

Ancara autoriza operação de aeronaves

ISIL controla um terço de Kobani

ISIL atacado por americanos em toda a Síria

França envia armas para curdos do Iraque

Mísseis em guerra nos céus

Iron Dome confirma capacidade

ISIL proclama Califado

| Forças Armadas de Angola | Exército Brasileiro | Exército Português | Força Aérea Brasileira | Força Aérea Portuguesa | Marinha do Brasil | Marinha Portuguesa | Forças Armadas de Moçambique | Forças Armadas da Guiné-Bissau | Timor - Sociedade | Forças de defesa de Timor | Brasil | Moçambique | Portugal | Listagem de todas as notícias | Listar todos os navios | Listar todas as aeronaves | Listar armas ligeiras | Listar todos os veículos | Listar todos os mísseis | Listar sistemas de artilharia | Artigos de opinião | Médio Oriente | União Europeia | Europa fora a UE | América do Norte | América do Sul e Caribe | África | Índia e Asia Central | Ásia e Oceânia|
  ---